Testes de Covid: por que o teste de antígeno é importante?

Teste de covid

A vacinação contra a COVID-19 no Brasil, até agora, chegou a míseros 8% da população. De acordo com os dados oferecidos pelo Governo Federal, essa é a porcentagem de pessoas que já receberam as duas doses da vacina. Por isso, enquanto a imunização não acontece de forma satisfatória, o distanciamento social e a testagem em massa são as melhores estratégias a serem adotadas segundo estudos.

Um deles, publicado na revista The Lancet Public Health concluiu que testes em massa para a COVID-19 aliados a períodos de isolamento em casos positivos são as estratégias mais econômicas e eficazes contra a disseminação do SARS-CoV-2 nos Estados Unidos. A pesquisa é a primeira a identificar estratégias de baixo custo com base nas taxas de transmissão locais, o preço de testes e hospitalizações, além da disposição da sociedade em pagar para prevenir mortes por COVID-19.

Quer saber mais sobre a testagem em massa e como é importante que as pessoas tenham acesso ao teste de antígeno? Continue a leitura do artigo e saiba mais!

O que é o teste de antígeno e quando deve ser realizado?

São vários os tipos de testes para COVID-19 disponíveis no mercado e que podem ser realizados em hospitais, laboratórios, clínicas, consultórios e também em locais de fácil acesso, como farmácias.

Existem os exames de Biologia Molecular, que detectam o material genético do vírus, os exames que detectam os anticorpos (IgM e IgG) produzidos pelo organismo para combater a infecção e também os exames que detectam os antígenos virais, ou seja, as proteínas do SARS-CoV-2.

O exame ou teste de antígeno surgiu como uma forma de identificar o mais rápido possível a infecção, uma vez que, assim como o exame de RT-PCR, é indicado para a fase inicial. No entanto, o resultado sai em apenas alguns minutos e não em 2,3 dias como o exame de RT-PCR.

Como é feito o exame de Antígeno para Coronavírus?

Assim como o exame de RT-PCR, o exame de antígeno também é feito com um swab nasofaríngeo, que nada mais é do que um cotonete mais longo. Esse cotonete é inserido na cavidade nasal até que sua ponta de algodão atinja a região da nasofaringe.

No caso do exame laboratorial remoto Hilab, essa amostra é inserida em uma cápsula de exame, digitalizada e enviada por meio da internet para os profissionais de saúde do laboratório de análises clínicas. Em até 30 minutos, o paciente recebe o laudo diretamente no celular.

Quem pode fazer o exame de antígeno?

Qualquer pessoa que esteja com sintomas da doenças ou que tiveram exposição ao vírus. O exame é também indicado para pessoas assintomáticas, ou seja, que não apresentam sintomas.

O resultado indica ou não a presença de antígenos do vírus SARS-CoV-2 na amostra de secreção de nasofaringe analisada e deve ser interpretado por um médico, que considera alguns fatores como manifestações clínicas, tempo de início dos sintomas e outros exames confirmatórios.

Por que o exame de antígeno é importante?

Exames que detectam o SARS-CoV-2 enquanto as pessoas estão transmitindo o vírus são ferramentas essenciais no combate à pandemia. Além disso, o exame de antígeno é mais barato quando comparado ao RT-PCR.

O paciente sai do estabelecimento de saúde com o resultado em mãos e já pode entrar em isolamento domiciliar imediatamente, o que é essencial para diminuir a transmissão da doença.

Uma vez que o exame de antígeno identifica as proteínas virais e possui alta correlação com o período de transmissibilidade da doença, é relevante para fins de isolamento, bem como para investigação de contatos.

Quais as vantagens de oferecer o teste de covid antígeno?

Para contribuir com a testagem em massa e proteger a população e também os trabalhadores, uma ideia é oferecer teste de antígeno em diversos estabelecimentos. Veja abaixo as principais vantagens de adotar essa iniciativa.

1. Teste de antígeno em Farmácias

Oferecer teste de antígeno em farmácias é essencial para manter os colaboradores protegidos. Por serem parte vulnerável da população, uma vez que têm contato direto com pessoas que contraíram a Covid-19, é possível testar os funcionários da farmácia quinzenalmente, evitando a transmissão e conseguindo afastar quem testar positivo.

Além disso, você pode oferecer teste de antígeno na sua farmácia, aumentando os serviços oferecidos, contribuindo com a contenção da pandemia no país e aumentando o faturamento do seu estabelecimento. Outra vantagem é que há uma valorização do estabelecimento como espaço de saúde.

2. Teste de antígeno em empresas

A prática de testar colaboradores surgiu logo depois do aumento de casos da COVID-19 em todo o mundo. Para muitos segmentos, principalmente os serviços essenciais, o home office não era viável e o mercado precisava encontrar soluções para reduzir os riscos de permanecer com o trabalho presencial em meio à pandemia.

A partir daí, a demanda aumentou e inúmeros setores da iniciativa pública e privada passaram a executar ações de testagem em massa em seus colaboradores, na maioria das vezes de forma constante – fazendo exames a cada 15 dias, por exemplo.

Com os exames frequentes, é possível proteger os colaboradores e evitar que pessoas assintomáticas continuem frequentando o ambiente de trabalho – a contaminação acontece mesmo sem sintomas. Assim, é possível isolar quem contraiu o coronavírus e garantir o distanciamento social.

3. Teste de antígeno em escolas

Muitas escolas particulares do país decidiram abrir suas portas e receber novamente os alunos. No entanto, a situação é delicada e uma única pessoa contaminada pode entrar em contato e transmitir o vírus a dezenas de pessoas. Por isso, oferecer teste de antígeno em escolas mantém o ambiente seguro e conquista a confiança dos pais que precisam que seus filhos tenham aulas presenciais.

Outra vantagem é que você protege os colaboradores e pode isolar a tempo qualquer pessoa que testar positivo no estabelecimento. Uma escola que oferece testagem em massa ainda sai à frente da concorrência e transmite a imagem de uma empresa comprometida com a saúde da população.

A Hilab oferece diferentes tipos de testes para a COVID-19

Para auxiliar no diagnóstico da infecção causada pelo SARS-CoV-2, o laboratório de análises clínicas Hilab desenvolveu três diferentes testes de covid: o teste de antígeno (Ag), o teste de sorologia IgM e IgG e um teste baseado em biologia molecular.

Tanto o exame de antígeno quanto o exame de sorologia são indicados para casos de suspeita de infecção por Coronavírus – sintomáticos e assintomáticos, são imunocromatográficos e qualitativos.  No entanto, se diferenciam principalmente quanto ao tipo de material detectado na amostra e momento da doença em que deve ser usado. Já o exame de biologia molecular é análogo ao RT-PCR uma vez que detecta o material genético do vírus.

Teste laboratorial de antígeno (Ag) para COVID-19

Detecção do antígeno viral do SARS-CoV-2. Ensaio qualitativo, capaz de identificar a proteína do nucleocapsídeo do vírus.

Teste laboratorial sorológico IgM/IgG para COVID-19

Detecção das Imunoglobulinas M (IgM) e G (IgG). Ensaio qualitativo que identifica a presença dos anticorpos que são produzidos pelo organismo para combater a infecção.

Teste laboratorial de Biologia Molecular  para COVID-19

Ensaio também qualitativo, porém detecta o material genético do SARS-CoV-2 por meio da amplificação do ácido nucleico. Por isso é um exame de biologia molecular. No caso do exame PCR – LAMP da Hilab, o tempo desde a coleta da amostra até a emissão do laudo é de aproximadamente 60 minutos, o que o torna um exame ágil, confiável e aplicável à toda a população.

E agora, qual teste de covid contratar?

Antes de escolher o teste que você irá contratar para seus pacientes ou colaboradores, leve em consideração o seu público e os objetivos. O ideal, no entanto, é oferecer os dois exames no seu estabelecimento. Você poderá atender tanto aqueles que pacientes que desejam saber se já tiveram contato com o vírus ou que já estão com sintomas há mais de sete dias – com o exame de sorologia – quanto aqueles que estão com suspeita há poucos dias – com o exame de antígeno.

Lembre-se de que o exame de sorologia IgM e IgG é o teste indicado para avaliar se a pessoa já teve contato com a doença. Já o exame de antígeno possui alta correlação com o período de transmissibilidade da doença.

Ficou interessado nos testes para COVID-19 disponíveis no Hilab? Entre em contato que um especialista Hilab explica todos os detalhes dos nossos serviços pra você!

Assine também nossa newsletter

Receba dicas sobre saúde e novidades do mercado laboratorial antes de todos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Laboratório de Análises Clínicas Hilab

Laboratório de Análises Clínicas Hilab

Somos o laboratório pioneiro em testes laboratoriais remotos no Brasil. Criamos tecnologia diagnóstica de ponta com a missão de democratizar a saúde. Nosso time é composto por especialistas na área de saúde, tecnologia e epidemiologia, comprometidos em disponibilizar informações sobre saúde e tecnologia diagnóstica de maneira responsável e segura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Olá, precisa de alguma informação?

Vamos conversar!