Home > Blog > Resultado de teste de gravidez Hilab: afinal estou ou não estou grávida?

Resultado de teste de gravidez Hilab: afinal estou ou não estou grávida?

resultado de teste de gravidez Hilab
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Muitas mulheres, quando recebem o resultado de teste de gravidez Hilab ficam com a seguinte dúvida:

Afinal, estou ou não estou grávida??

Acompanhe este post para sanar todas as suas dúvidas e interpretar o resultado de teste de gravidez Hilab.

O que o exame de gravidez Hilab detecta

O exame de gravidez detecta um hormônio chamado gonadotrofina coriônica humana (hCG), presente no sangue de mulheres grávidas. O hCG também pode ser detectado na urina, no entanto, o exame de sangue é muito mais preciso e sensível.  

O hCG estimula o organismo a produzir estrogênio e progesterona – responsáveis pelo espessamento e manutenção do endométrio, o que previne a menstruação e permite a continuidade da gravidez.

O que são aqueles valores que aparecem no laudo?

Os valores que aparecem no resultado são denominados valores de referência. Esses valores são intervalos; cada valor ou faixa de valores tem um significado.

Resultado de teste de gravidez não é o diagnóstico final

O diagnóstico de uma gravidez não é baseado somente em exames laboratoriais. O exame de gravidez é utilizado como parte do diagnóstico.

Para saber se você realmente está grávida, você deve levar seu laudo ao médico. Ele avaliará os sintomas/sinais, a data da sua última menstruação, além de solicitar exames complementares, como o ultrassom. Assim, você terá certeza do seu diagnóstico.

Outros exames importantes

Se você fez o exame de gravidez, saiba que também é importante fazer os exames para detectar as IST’s (Infecções Sexualmente Transmissíveis). HIV, Sífilis e Hepatites são alguns dos mais importantes. O número de casos de sífilis, por exemplo, tem crescido muito nos últimos anos. Quando não tratada, a infecção pode trazer sequelas gravíssimas as pessoas que têm a doença e também para o bebê, pois pode ser transmitida através da placenta.

Por isso, não deixe de perguntar ao farmacêutico sobre os exames disponíveis, independente do seu resultado.

Agora que você tirou as suas dúvidas sobre o resultado do exame de gravidez Hilab, conheça os outros exames Hilab.

CAMPANA, Gustavo Aguiar; OPLUSTIL, Carmen Paz; FARO, Lorena Brito de. Tendências em medicina laboratorial. J. Bras. Patol. Med. Lab.,  Rio de Janeiro ,  v. 47, n. 4, p. 399-408,  Aug. 2011.

 

CORRER, C. J. Farmácia Clínica e a prestação de serviços farmacêuticos. 1. ed. Curitiba: Ed. Practice, 2016. 132 p.

 

CORRER, C. J.; OTUKI, M. A prática farmacêutica na farmácia comunitária. Porto Alegre: Artmed; 2013. 434 p.

 

GOMES, H. O.; Caldas, C.P. Uso inapropriado de medicamentos pelo idoso: polifarmácia e seus efeitos. Revista Hospital Universitário Pedro Ernesto. 2008;7(1):88-99.

GOSTOU DO ARTIGO? AVALIE

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 2

COMPARTILHE ESTE POST NAS REDES
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Fique por dentro de todas as novidades sobre saúde e mercado laboratorial. Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo!

RELACIONADOS
Fique por dentro de todas as novidades sobre saúde e mercado laboratorial.
Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo!
Contrate o Hilab

Preencha o formulário para que um de nossos consultores entre em contato com você.

Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.