O que pode cortar o efeito do anticoncepcional? Tire suas dúvidas

A pílula anticoncepcional é um dos métodos contraceptivos mais conhecidos e mais usados no Brasil. Quando utilizada corretamente, sua eficácia é de cerca 99%. No entanto, alguns medicamentos podem contar o efeito do anticoncepcional.

Os anticoncepcionais hormonais orais, são esteróides utilizados isoladamente ou em associação com outros métodos e têm a finalidade básica de impedir a gravidez. Cerca de 25% da população feminina que faz contracepção prefere a pílula, segundo a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia.

Saiba, neste artigo, quais são as substâncias mais comuns que interferem nos efeitos desta medicação.

4 substâncias que cortam o efeito do anticoncepcional

1. Alguns antibióticos

Embora muitas pessoas pensem que os antibióticos interferem na eficácia da pílula anticoncepcional, a verdade é que a maioria dos antibióticos não interfere.

Os únicos antibióticos que, comprovadamente, podem diminuir os efeitos dos anticoncepcionais são a rifampicina, utilizada no tratamento inicial da tuberculose pulmonar ou no tratamento de infecções com resistência aos medicamentos, e a rifabutina, utilizada também para o tratamento da tuberculose.

Se você está fazendo um tratamento com algum antibiótico e não sabe se ele interfere ou não na eficácia do seu anticoncepcional, leia a bula ou procure um farmacêutico para tirar as suas dúvidas.

2. Anticonvulsivantes

Anticonvulsivantes como a fenitoína, carbamazepina, fenobarbital, primidona, topiramato, oxcarbamazepina e a lamotrigina são drogas que podem diminuir os efeitos dos anticoncepcionais.

3. Barbitúricos

O fenobarbital (barbitúrico com propriedades anticonvulsivantes) e o tiopental (barbitúrico de curta duração indicado para a indução da anestesia geral e também indicado para o controle de convulsões) são outras drogas que podem diminuir o efeito dos contraceptivos orais.

4. Álcool

O uso de álcool é uma importante interação dos anticoncepcionais. Em altas concentrações, esta droga pode alterar a farmacocinética dos anticoncepcionais, diminuindo assim sua eficácia.

Outras dúvidas sobre interações medicamentosas

Se você não sabe se o medicamento que você está tomando corta o efeito ou diminui a eficácia da pílula anticoncepcional, procure um farmacêutico. Ele é o profissional de saúde mais acessível para tirar as dúvidas sobre as possíveis interações medicamentosas.

Além disso, antes de iniciar qualquer tratamento, é importante informar ao seu médico sobre o uso de anticoncepcionais orais. Ler a bula também é importante, uma vez que lá estão todas as informações acerca das possíveis interações medicamentosas.

Caso você tenha identificado que o seu tratamento medicamentoso pode interferir na eficácia da pílula, utilize algum método anticoncepcional de barreira como a camisinha masculina ou feminina para prevenir a gravidez indesejada. Lembre-se que a camisinha também é importante para evitar as Infecções Sexualmente Transmissíveis.

Referências Bibliográficas

Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia. A evolução da pílula. Disponível em: <https://www.febrasgo.org.br/pt/noticias/item/637-a-evolucao-da-pilula>. Acesso em: 27 de setembro de 2019.

Guia da Farmácia. O que pode cortar o efeito da pílula anticoncepcional? Disponível em: <https://guiadafarmacia.com.br/o-que-pode-cortar-o-efeito-da-pilula-anticoncepcional/>. Acesso em: 27 de setembro de 2019.

Assine também nossa newsletter

Receba dicas sobre saúde e novidades do mercado laboratorial antes de todos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Micheli Pecharki

Micheli Pecharki

Micheli é Bióloga e coordenadora de conteúdos na Hilab. Acredita que transformar o conhecimento técnico em algo acessível é essencial para que as pessoas saibam como cuidar mais da própria saúde e vivam, assim, com mais qualidade de vida. É apaixonada por cachorros e escrever e nas horas vagas gosta de estar em contato com a natureza.

2 comentários em “O que pode cortar o efeito do anticoncepcional? Tire suas dúvidas”

    1. Laboratório de Análises Clínicas Hilab
      Laboratório de Análises Clínicas Hilab

      Olá, Tudo bem? Por aqui vou te auxiliar da melhor maneira possível. Recomendamos que você procure uma unidade de saúde ou o seu médico para avaliar os sintomas. Existem várias condições que podem causar atraso menstrual. A menopausa e síndrome dos ovários policísticos são alguns exemplos. Neste texto explicamos as causas principais, mas recomendamos consultar um médico, pois somente ele poderá definir um diagnóstico. https://hilab.com.br/blog/menstruacao-atrasada/
      Caso fique mais alguma dúvida, fico totalmente à disposição.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Olá, precisa de alguma informação?

Vamos conversar!