Diabetes para além do controle da glicemia

A maioria das pessoas, quando pensa em Diabetes, lembra-se do controle da glicemia. No entanto, se você  tem diabetes, precisa saber que para controlar a doença, outras ações são necessárias – e tão importantes quanto. Acompanhe o artigo a seguir e descubra.

1. Acompanhar a pressão arterial

O diabetes mellitus tipo 2, que é o tipo mais comum em pessoas que estão acima do peso, muitas vezes vem acompanhado de pressão alta (hipertensão arterial sistêmica).

Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) 4 entre 10 pacientes diabéticos apresentam pressão acima do normal.

O controle da pressão por parte do paciente com diabetes é tão importante quanto o controle da glicemia. Isso porque a pressão alta aumenta o risco de doenças cardiovasculares como infarto, além de acelerar o processo de lesão nos rins, já causado pelo próprio diabetes.

2. Acompanhar o peso – a importância dos hábitos alimentares

Adotar uma alimentação saudável é essencial para a saúde do paciente diabético. Recomenda-se a adoção do modelo DASH (Dietary Approaches to Stop Hypertension) que enfatiza o consumo de alimentos naturais e redução do consumo de alimentos industrializados, além de incentivar o consumo de vegetais, como hortaliças, frutas, cereais e leguminosas.

Também é importante não fumar, evitar o consumo excessivo de álcool, diminuir o consumo de sal e fazer exercícios físicos com frequência. Fazendo isso, você estará contribuindo tanto para o controle da pressão arterial, quanto para o controle da glicemia.

3. Acompanhar o perfil lipídico

As dislipidemias, ou seja, a presença de níveis elevados de gorduras no sangue, têm um importante papel na aceleração do aparecimento de doenças cardiovasculares. Pessoas com diabetes mellitus possuem duas a três vezes mais chances de apresentar problemas cardiovasculares do que pessoas não-diabéticas.

Por este motivo, todo paciente diabético deve fazer o exame do Perfil Lipídico, o famoso exame de colesterol, no mínimo uma vez ao ano, ou com mais frequência de acordo com a orientação médica.

Muito mais que o controle da glicemia

Importante destacar que a falta de tempo não deve ser uma desculpa para não cuidar dos níveis de colesterol e da pressão arterial. A aferição da pressão arterial e o exame do perfil lipídico podem ser feitos em muitas farmácias espalhadas pelo Brasil.

Seguir estas recomendações e o tratamento indicado pelo médico é muito importante para evitar as complicações do diabetes. Lembre-se que, para controlar essa doença, você precisa ir além do controle da glicemia.  Cuide da sua saúde!

Se você gostou do conteúdo, aproveite para divulgá-lo nas redes sociais e curta a página do Hilab!

Referências Bibliográficas:

Departamento de Nutrição e Metabologia da Sociedade Brasileira de Diabetes. Manual de Nutrição. Profissional da Saúde. São Paulo, 2009.

Sociedade Brasileira do Diabetes. Pressão alta no diabetes mellitus tipo 2: riscos à saúde e escolha do melhor tratamento. Disponível em: <https://www.diabetes.org.br/publico/noticias-destaque/11-diabetes/1314-pressao-alta-no-diabetes-mellitus-tipo-2-riscos-a-saude-e-escolha-do-melhor-tratamento>. Acesso em: 18 de fevereiro de 2019.

Assine também nossa newsletter

Receba dicas sobre saúde e novidades do mercado laboratorial antes de todos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Micheli Pecharki

Micheli Pecharki

Micheli é Bióloga e coordenadora de conteúdos na Hilab. Acredita que transformar o conhecimento técnico em algo acessível é essencial para que as pessoas saibam como cuidar mais da própria saúde e vivam, assim, com mais qualidade de vida. É apaixonada por cachorros e escrever e nas horas vagas gosta de estar em contato com a natureza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *